“É tudo quando investimos na força de trabalho de saúde”, disse Lord Darzi. “Um dos maiores beneficios do NHS são as pessoas que trabalham nele. Investir nestes talentos é o que esta unidade proporciona.”

Simulação para Todos

O projeto foi encabeçado e lançado por dois dos anestesistas consultore do hospital, a Dra. Debbie Rosenorn-Lanng, também diretor de simulação e a Dra. Anna Gregg. O centro fornece no treinamento avançado necessidades de médicos, enfermeiros, parteiros, paramédicos e todo os profissionais de saúde associados, a fim de assegurar que suas habilidades sejam renovadas, atualizadas e preparadas, particularmente na área de tratamento de emergência.


“Você designa e nós podemos recriá-lo”

Reconhecendo que “fatores humanos” podem representar um papel significativo nos resultados do paciente, Debbie aponta que o desempenho eficaz da equipe é crítico para a melhoria da segurança do paciente. Destaca os benefícios da simulação como um meio de preparação para emergências. Ela continua, “É tudo quanto a atitudes, habilidades de comunicação, trabalho em equipe e gestão dos recursos. Podemos criar cenários de terapia intensiva, de teatro, situações em repartições... qualquer tipo de emergência. Você designa e nós podemos recria-lo aqui.”

Realismo é a Chave

Uma parte central para o exercício de simulação é o próprio paciente. SimMan 3G, SimBaby e SimNewB são simuladores de paciente que desafiam um fluxo constantes de aprendizes e suas habilidades profissionais em uma ampla faixa de cenários clínicos de adultos, pediátricos e neonatais. “O manequim é brilhante”, continua Debbie comentando sobre o SimMan 3G. “É muito mais real que os manequins anteriores. As pupilas reagem à luz e têm respiração e sons do coração, de modo que você pode reagir a eles.” Após um exercício de simulação, os aprendizes chegaram a um acordo, “As reações são incrivelmente reais.”

Construindo um Sistema de Tratamento de Saúde mais Seguro

Segundo o relatório da ”Chief Medical Offer” de 2009 recomendando que a simulação “será uma parte vital da construção de um sistema de tratamento de saúde mais seguro”, as observações finais refletiram esta visão - “É investir no futuro.”